$ (2)Petra
A atração turística mais visitada da Jordânia é uma cidade construída por volta do ano 300 a.C. como capital do Império Nebateu, que posteriormente foi anexado ao Império Romano. Localizada no sul da Jordânia, Petra provavelmente se tornou um lugar tão importante por conta das diversas rotas comerciais que passavam por ali. A cidade é impressionante, principalmente pelo fato de que grande parte das estruturas foi esculpida na pedra local, e também é famosa por seu complexo sistema hídrico, que levava água para uma região extremamente árida.

Amã
A capital da Jordânia, Amã, é uma grande cidade ideal para quem quer explorar o melhor da cultura árabe moderna, bem como a história e tradição da região. Fascinantes mercados de rua e cafés alternativos se misturam por suas ruas apertadas. Apesar de ser consideravelmente recente, basicamente uma criação do século 20, seus bons museus dão conta de contar tudo o que aconteceu por ali, e caminhando pelo centro você encontra até ruínas romanas.

Jerash
A parte nova da cidade de Jerash sugere modernismo e uma vida urbana como de qualquer outra grande cidade no mundo, mas visite sua parte velha e você logo vai notar a quantidade de história que ela tem para contar. A cidade guarda ainda hoje uma grande quantidade de ruínas do período de dominação romana, muito bem preservadas, inclusive, diferente de outras que podem ser encontradas pelo país. As ruínas de Jerash certamente não deixam nada a desejar àquelas de Roma.

Wadi Rum
Esse deserto em Wadi Rum, cujo nome pode ser traduzido para Vale da Lua, é um dos principais cartões postais da Jordânia, e não é para menos. As belas formações rochosas ilhadas em meio a quilômetros e quilômetros de areia laranja conquistam qualquer um. Toda a região é um patrimônio da Unesco e ela tem sido habitada há cerca de 12 mil anos.

Mar Morto
Não se pode visitar a Jordânia e deixar de visitar o Mar Morto. O lago de água salgada é famoso por ser o ponto mais baixo da superfície terrestre (431m abaixo do nível do mar) e por ser tão salgado que o sal torna impossível afundar ali. Mas, para além dessas curiosidades, é também uma incrível maravilha natural, que, cravada aos pés de penhascos, é capaz de encantar qualquer um. Toda a margem da Jordânia é cheia de hotéis e infraestrutura para turistas.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA