Com a chegada do verão, nada melhor do que desfrutar das diversas experiências gastronômicas que São Paulo oferece. Conhecer diferentes culinárias é uma forma de viajar por outros estados e países sem sair da cidade. Selecionamos lugares para visitar nessa época quente do ano que pede por pratos mais leves e combinações que trazem sensações de frescor.

Experimentar o Crispy Rice (R﹩ 36) do Noma Sushi é a pedida para quem gosta de se aventurar nos sabores. Feito com arroz crocante e tuna tartar, a entrada refrescante e levemente apimentada traz ao prato sabor diferenciado. Para o principal, a pedida é o combinado de salmão especial composto por 12 sashimis e 45 sushis especiais selecionados pelo chef (R﹩ 230).

Curtir uma noite de verão com bons drinks é delicioso. No bar do TGI Fridays, o Limoncello é uma mistura refrescante de gin, limoncello, suco de limão e tônica (R﹩ 37,90) e faz o maior sucesso. Além dele, a carta de drinks conta com mais opções como por exemplo os clássicos mojito (R﹩ 27,90) e aperol spritz (R﹩ 27,90).

No restaurante Imakay, vale apostar no Ceviche Misto, preparado com pescada branca, lula, camarão, polvo, cebola roxa e leite de tigre (R﹩ 45). Os ingredientes combinados na receita trazem sabor marcante e frescor ao paladar. Outra opção ideal para os dias quentes é o Ussuzukuri de pescada branca (R﹩ 52).

Referência em culinária italiana, o restaurante Tre Bicchieri inova com entradas frias como saladas e carpaccios, ideais para os dias mais quentes. A bresaola, um tipo de carne seca, é preparada com salada de rúcula, anchova e queijo gruyère empanado (R﹩ 69), vale a pedida. Para brindar, o drinque “Antidote” que leva gin, licor peach tree, licor 43, limão siciliano e bitter de pêssego (R﹩ 26).

Para quem busca opções frescas e saudáveis em restaurantes japoneses, o Su serve uma salada de frutos do mar com seleção de folhas e frutos do mar com molho especial (R﹩ 58).

Estreando sua nova unidade localizada na Vila Madalena, o Santo Grão aposta em boas opções para o calor, é o caso do avocado com frango orgânico, acompanhado de couscous marroquino, mix de folhas, sementes de linhaça e girassol (R﹩ 44). Como sobremesa, a boa pedida fica para o cheesecake de morango orgânico no pote (R﹩ 12).

Para os dias mais quentes, a culinária japonesa é uma boa opção. O restaurante Kitchin sugere para começar, o Usuzukuri, uma especialidade da casa, que leva finas fatias de robalo, lâminas de limão com ponzu e cebolinha (R﹩ 60). Outras opções são provar os tartares: de salmão (R﹩ 45) ou atum (R﹩ 48), que acompanham ovas de massago, gergelim e são levemente apimentados.

Pioneiro em culinária orgânica, o restaurante Le Manjue traz para seu cardápio opções que unem sabor e saúde. De entrada, o chips de banana verde servido com geleia de pimenta (R﹩ 28) é um clássico. Para acompanhar, vale experimentar a cerveja UMA, livre de glúten e conservantes (R﹩ 18).
Com cardápio recém renovado, o restaurante Jamile investe em pratos contemporâneos. A sugestão é provar o vinagrete de frutos do mar que acompanha tostadas no azeite de alho (R﹩ 47). Outra novidade que combina com o verão é o gravlax com salada de rúcula e creme azedo de dill (R﹩ 35).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA