O Hotel Mato Grosso Águas Quentes recebeu a recertificação da norma ISO 14001/2015 da British Standards Institution (BSI), empresa constituída por Autorização Real (Royal Charter), responsável pela atividade do órgão Nacional de Normas (NSB), no Reino Unido. A auditoria de certificação internacional do Sistema de Gestão Ambiental (SGA) aconteceu entre os dias 10 e 14 de fevereiro, no local, em duas fases, a documental e as atividades na prática.
 
Há seis anos o empreendimento da Rede de Hotéis Mato Grosso recebe auditorias de acompanhamento. Este ano, o representante da certificadora inglesa, auditor Joloir de Souza, analisou todos os quesitos exigidos e recomendou a recertificação ISO 14001, que prevê para as organizações uma metodologia de gerenciamento dos seus riscos ambientais, com base na conformidade em relação ao atendimento dos requisitos legais. 
 
A nova versão da norma, do ano de 2015, tem o propósito de permitir uma gestão mais eficaz do pilar ambiental da sustentabilidade das organizações. “Vamos continuar investindo, aprendendo e melhorando, porque quando o meio ambiente é preservado e a atividade turística é feita com responsabilidade, todos ganham: a comunidade no entorno,  os colaboradores e cada um dos visitantes que vêm desfrutar da beleza das Águas Quentes”, destacou o diretor Comercial da rede, Leopoldo Mário Nigro Filho. 
 
Segundo o gestor ambiental do Hotel Mato Grosso Águas Quentes, Joab Almeida Silva, a auditoria realiza uma varredura detalhada nos documentos e depois em todos os setores para verificar a coerência dos documentos com os procedimentos internos na prática. “Os resultados constataram que o hotel possui boa conduta ambiental, busca engajar toda a empresa nesse propósito em conjunto com os hóspedes e a comunidade no entorno e conseguiu revalidar a certificação por mais três anos”, explicou.
 
Joab destaca que o Hotel Águas Quentes utiliza várias ferramentas para respaldar as práticas ambientais de economia de água, energia, gás e alimentos, além da separação e descarte ambientalmente correto de resíduos e, ainda, o controle da qualidade da água do córrego e do afluente, resposta de atendimento às emergências ambientais e programa de treinamento e conscientização.
 
“É sempre uma experiência satisfatória ao final da auditoria quando o auditor dá o parecer favorável à recomendação da empresa para a manutenção da certificação, reconhecendo nossos esforços no dia a dia para cuidar do meio ambiente e do hotel que fica em um Parque de grande relevância e sensibilidade ecológica”, lembrou o gestor ambiental.
 
Para o gerente do hotel, Fabio Oberty Fávero, receber a visita da auditoria favorece a visão técnica do estabelecimento sobre gestão ambiental, além de aprimorar todos os setores. “Estamos no caminho da evolução, sempre aprendendo com os auditores para prestar melhor os serviços para nossos clientes e parceiros comerciais, principalmente com os cuidados ao meio ambiente que é nosso grande carro chefe no Parque Estadual das Águas Quentes”, concluiu.
 
Sobre a BSI
 
A British Standards Institution (BSI) é uma empresa constituída por Autorização Real (Royal Charter) que realiza a atividade do Órgão Nacional de Normas (NSB, do inglês National Standards Body) no Reino Unido. Fundada em 1901, a BSI foi o primeiro órgão nacional de normatização. O comitê original BSI fez sua primeira reunião em 22 de janeiro de 1901, onde uma das primeiras normas publicadas foi projetada para reduzir a quantidade de tamanhos dos trilhos do bonde. Atualmente, a maior fatia das ações do órgão pertence à Família Real Britânica.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA